9 de jun de 2012

Vitrola: Casa das Máquinas



Boa tarde Caros viajantes! A muito não se fala sobre musica nesta embarcação... Poderia existir algum prazer em navegar sem poder ouvir ou pelo menos falar de musica?! Bem acho que a resposta é bem simples. É claro que não! E é por isso que hoje é dia de Vitrola aqui no Psiconautas!  Venho com uma novidade para vocês, ela é o segundo disco da banda de rock brasileira Casa das Máquinas!
Portanto segurem-se marujos, pois o som começa agora! Com vocês o retorno do quadro Vitrola!


Casa das Máquinas é uma da banda brasileira de Rock and Roll. Fundada em 1973, gravou três álbuns pela gravadora Som Livre até terminar em 1978. Em 2007 retor (que costuma a ocorrer todos os anos no Estado do Paraná nos dias de carnaval) e está em atividade desde então.
O segundo disco intitulado “Lar de Maravilhas” detêm o gênero progressive rock. E na minha singela opinião é o melhor deles!
Suas faixas contêm desde arranjos inspirados no rock progressivo britânico, com destaque para os teclados, como se pode ouvir em “Vale Verde”.
A preponderância do vocal que chega a boas partes a lembrar Raul Seixas, como se pode ver na musica “Cilindro Cônico”.

O álbum possui um total de 9 faixas sendo elas:
1-Vou morar no ar
2-Lar de Maravilhas
3-Liberdade Espacial
4-Astralização
5-Cilindro Cônico
6-Vale Verde
7-Raios de Lua
8-Epidemia de Rock
9-O Sol

A formação fica por conta de:
Aroldo: 1º vocal, guitarra e violão.
Carlos Geraldo: 2º vocal e baixo.
Pisca: 3º vocal, guitarra e violão.
Marinho Testoni: teclados.
Netinho: bateria e percussão.
Marinho Thomaz: bateria e percussão.


Créditos da imagem: Google Imagens 

Nenhum comentário:

Postar um comentário